‘Dasein’ da hermeneuta

Não em vão desfez-se a mestra,
limitada à finitude,
desvelando o ser do sábio
em sua mais bela virtude.

A verdade que supunha,
entendi não ser suprema.
Constrangido pelo ser
do outro, pousei a pena.

Entendida por inteiro,
sabe-se já que não foi.
Mas não há desanimar.

É o diálogo incansável
que ilumina o ente sábio
pra o discípulo enxergar.

(Dedicado à Prof. Ângela A. S. Espindola, cuja disciplina de “Hermenêutica Jurídica” inspirou este soneto, e que, ao finalizar a ministração semestral, concluiu relembrando o “caráter ametódico” da disciplina ministrada, o que exigiu um grande esforço hermenêutico… rs E ao eminentíssimo Professor Engenheiro, Filósofo, Matemático, Sociólogo (esqueci alguma?…) Ivan Zolin,  incentivador-mor do meu espírito poético.. rs)

* o “Dasein” é um termo utilizado por Martin Heidegger, utilizado na hermenêutica filosófica, tendo como um dos maiores defensores brasileiros o Prof. Lênio Streck (visite o site do professor). Fonte de inspiração para esse soneto foi também o texto “O direito e as possibilidades epistemológicas do paradigma hermenêutico”, do Dr. Wálber Araújo Carneiro, publicado no livro “Hermenêutica e Epistemologia: 50 anos de Verdade e Método”, pela editora Livraria do Advogado. Daí tomo as expressões do “desvelamento” do ser, do “iluminar o ente”, do “constrangimento ontológico”, que se dá a partir do “diálogo desvelador”. Um desenvolvimento teórico mais profundo do pensamento do Dr. Carneiro pode ser encontrado em sua tese de doutorado, pela UNISINOS, que também foi publicada pela Livraria do Advogado. As contribuições de Heidegger tem um alcance muito abrangente, veja aqui um trabalho sobre a “psicologia heideggeriana”, por Marcelo Vial Roehe.

Anúncios

Uma resposta

  1. Parabéns! O único da turma que se sentiu inspirado e que entrou na viagem louca (não do bbb, mas) da hermenêutica jurídica. Forte abraço futuro paulista, ou gaulista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: